20 de fevereiro de 2010

A difícil arte de gostar



Porque você nunca me aceitaria como eu sou.
Eu danço na chuva como se não houvesse amanhã e ando saltitando com meu vestido rodado... você iria me censurar.
Canto uma canção desafinada e assisto desenhos até de madrugada, você não iria gostar.
Falo com velho e criança, sobre tudo e sobre nada. Marco frases em livros, recorto revistas, coleciono gravuras. Faço coisas sem sentido, tenho manias esquisitas. Sou fora do padrão com meu cabelo colorido e minha meia arrastão... você nunca iria se acostumar.
Porque do mundo que conhece eu não faço parte e nem iria me encaixar. Porque apesar de nos meus sonhos de menina você se enquadrar, a verdade é bem simples, mas dura de encarar: eu simplesmente não sou seu par.

11 comentários:

Anônimo disse...

Adoro o jeito com que brinca com as palavras, Adoro o jeito como escreve!! Atualize aqui sempre!!!

beijos
@milanunes

Margarut disse...

Nossa Bruna! Adorei o texto! Como estou em um momento "avaliação" de um casamento de 27 anos a frase "a verdade é bem simples, mas dura de encarar: eu simplesmente não sou seu par.", apesar de não ser o sentido original, atingiu-me como um "soco"; chacoalhou...no bom sentido, é claro!
Parabéns!
Bj

Clarissa disse...

Muito bom, Bruna!

Esse é o lado racional que falta pra mim... o emocional sempre vence. Aff...

Mesmo sabendo que não sou o par do carinha, me jogo com força e depois quebro a cara! Hhahahah...

Bjinhos =*

Fofura em Biscuit disse...

Falo com velho e criança, sobre tudo e sobre nada. Marco frases em livros, recorto revistas, coleciono gravuras. Faço coisas sem sentido, tenho manias esquisitas. Sou fora do padrão com meu cabelo colorido e minha meia arrastão... você nunca iria se acostumar...

Tem mais uma lugar sobrando no time acho que vai ser bem difícil eu também encontrar meu par...rs!

Fica bem!
MINHA ESCRITORA PREFERIDA!!

Rafa =)!

Fofura em Biscuit disse...

AMEIIII O TEXTOO!Faltou escrever...rs!

VELOSO disse...

VOCÊ TEM UMÓTIMO ESTILO VALEU VENHA REVIRAR MEU BAÚ !

karen Sheila disse...

Ahhhhhhhhhhhhhhhhhh(suspiros)
Tocou meu coração de menor abandonada...(snif) Mas fazer o que né mana!?!?!?!?!?!?

Minha escritora preferida ts ts ts esse povo não tem nem criativa na hora de puxar o saco e fica roubando o alheio, faltou só ela dizer q quer ser vc quando crescer tbm. Eu heim!

Carlos Augusto Matos disse...

Não importa, como vc seja, quem gosta de verdade, não liga pra nada do que vc postou acima...

Bjuxxxx

Fofura em Biscuit disse...

Essas maletinhas da vida que vem aqui cheias de justiça reclamar...aff!
É MINHA ESCRITORA PREFERIDA simmmm!
E tem mais,eu já falei que quero ser ela quando crescer tah !


Não me provoque!!!E pare de vir aqui fazer bagunça...ok!?

uauahsuahuahhausuasuauhauhahs..

Sorry mas eu não aguento essa menina =D!

Rafa =)!

Anônimo disse...

Olá, pequena!
Estou confusa... pensando, pensando.
Gostei do texto, mas continuo não "te vendo".....
Blu, já conheço seu rosto, seu abraço, seu olhar e gosto muito.
Pensei que conhecesse um pouquinho do seu coração, mas estou reavaliando.
Já estive com vocês, em Sampa, você não lembra de mim, mas eu as levarei para sempre.

Lourdes
(até meu computador estou desconhecendo... tenho que te visitar como anônimo)..... ô fase!

karen Sheila disse...

Como a Sra. ousa vir nos(praticamente) hallos do Blog B reclamar de mim, ele é respeitado é conceituado sabia? Sua má educada!!!!!!! Tô nem aí se é sua escritora preferia,se vai ser ela quando crescer,não me importo mais,já invadiram meu espaço mesmo ...só falta vir a outra conterrânea e falar a mesma coisa.AFF


Ah..texto lindú, li de novo!!!!!!!!